quinta-feira, 4 de março de 2010

"Vai de 179?"

Há anos atrás costumava pegar o 179 para chegar até a Praça Mauá, lugar cercado por uma fauna única e flora especial. Como sou propensa a interação com o pessoal do ônibus, sempre encontrei uma variedade incrível de casos de estudo, desde prostitutas cantando "I will survive" e rodopiando no ferro no estilo "pole dance", até semi-astros de golf com o slogan da novela da época: "cada mergulho é um flash". Ganhei até fotografia autografada, mas ele até hoje não despontou na coluna de esportes. Uma pena, tinha futuro.

Justamente quando achei que esses episódios lúdicos da minha infância (tá bom, eu era adolescente) tinham ido embora, sumido, evaporado com o vento, eis que resolvo rememorar os acontecimentos e me arrisco a pegá-lo... A entrar no fatídico 179! Sim, 174 é filme de terror, comédia garantida é 179. Não é um meio de transporte, mas uma história de vida, uma experiência única e elucidativa: que abre seus olhos e impede que a cegueira branca de José Saramago se instaure em você!

E tudo começa assim....

Movimentos de carro, buzinas, sirenes... Frescão em demora e eis que surge, de longe... Vindo em minha direção, alegre e faceiro, amarelo ovo incandescente.

*Rachel entra no ônibus e o telefone toca.

- Alô?

Do outro lado da linha era uma amiga querida, Dani, com quem eu comentei anteriormente que iria pegar o 179, mas que imaginava que só "de noite deve acontecer algo" ou..."179 é coisa do passado"...

Dani:
- E aí amiga?

- Dani, você não acredita aonde estou nesse segundo! Acabei de entrar no 179... Lembra do blog que eu queria resgatar e esqueci completamente (toin!) o nome? Então, estou aqui dentro, mas acredito que nada vai acontecer.

*15 minutinhos de conversa furada e desligam o telefone.

*mais 15 minutos de trajeto.

*mais 30 minutos (é, ele dá a volta no Rio de Janeiro inteiro) e...

*PLOOOOOOFFFTTTTTT. BBBRRREEEEAAACCCCCC (existe onomatopéia para ônibus quebrando?)

*Pessoas saindo do 179 em plena chuva e aguardando o próximo "amarelinho".

*Pessoas bufam.

*Pessoas bufam e bocejam.

*Pessoas avistam o "novo" ônibus ao longe.

Entro feliz e cantante no próximo veículo e percebo que existe lá dentro um rapaz pregando com uma bíblia na mão, entoando a palavra de Deus e convencendo as pessoas por perto a ingressarem na igreja de Santos Anjos (alguém conhece?).

Ao entrar no ônibus uma senhora, já com seus 40 e poucos anos, grita em alto e bom som:

-"PQP!!!!!! C..... P.... E AINDA POR CIMA TEM ESSA P.... DESSE PASTOR AQUI! VAI PREGRAR LÁ NO INFERNO SEU IMBECIL"

Nesse instante o pastor se vira e o show começa, ali diante dos meus olhinhos de telespectadora ávida por novas emoções naquela segunda-feira chuvosa:

- Irmããããoooos, temos aqui uma herege! Que podia estar se "prostituino", podia estar "diluindo" (??), mas o diabo ele fere na carne (!??), ele fez essa irmã pecar contra a palavra! É meu dever impor ordem nessa vida "inreta" (wow...)!!!

*Pastor ergue a mão e de forma esquisita, saculeja a cabeça da senhora de forma esquisita, e fala palavras mais esquisitas ainda. Ela, nesse instante, começa a gritar mais palavrões, empurra as pessoas do lado e o pastor e sái do ônibus aos berros.

Ponto pro pastor!



Nesse momento sublime consigo finalmente um lugar para sentar. Er... na verdade tive que sentar do lado do pastor, que estava em pé porque meu salto não me permitia ficar muito tempo apoiando no ferro. E ele começa a puxar papo comigo, fazendo as indagações:

(Pastor) - Você é católica?

(Eu) - não.

(Pastor) - Você é evangélica?

(Eu) - não

(Pastor) pois bem, vou te fazer um convite. Considere como se estivesse te chamando para uma festa, para um cineminha (????). Vá para uma igreja ("eu sabia que tava precisando, mas depois de segunda eu realmente estou assustada). Vá, Vá... Será um renascimento em sua vida. Eu antes tomava de tudo, de uísque até chá de carrapeta (alguém sabe o que é isso???). Maconha então era direto. Do pó ao vício... Me promete que irá?

(Eu) - Obrigada (isso responde?)

Já pensou se eu digo que não e ele de forma impensada tenta me exorcizar? Temi pela minha vida nesse instante.

Sorte que o ponto já estava próximo e eu pude saltar rindo desse novo episódio, que me fez relembrar bons e velhos momentos, que ficaram adormecidos, mas encantados, na minha memória...

Ah sim, consegui tirar uma foto torta para postar aqui. Divirtam-se. :)

11 comentários:

Rafael Lopes disse...

iuayehiauehiuaehiuhaeihuea genial!!

Anônimo disse...

aleluia aos números irmã rachel!
1 7 9 = 1 menos 7 = 6. 9 de cabeça para baixo = 6. e o outro 6 eu sei lá de onde vem, mas se colocar os 3 '6's juntos é o número do capeta.

ainda bem que existem pastores iluminando este expresso do inferno.

beijos. haha. adorei seu post. felipe.

Dani disse...

E eu te perguntando :"Já aconteceu alguma coisa?" hahah Super expectativa!
Se por algum acaso vc. conhecer alguém que esteja se queixando de monotonia, vc diz: "Vá de 179!" rs

Bruna disse...

Caralhooo... esse pastor é um porre!!!! eu ouvia essa porra todo dia, praticamente, era um absoluto inferno!! Eu participei de um episódios desses... q o povo começou a se revoltar e outros começaram a apoiar... imagina só!!
Fora os assaltos q tb eram constantes.... afe.. o 179 tem história. Bruna

Quitutes.com - Versão Blog disse...

Dani, pois é... Foi só desligar o telefone para começar a aventura, rs... Realmente não existe tédio no 179.
Felipe, gostei da sua teoria, haha.. Realmente, acho que forçando uma barra dá pra perceber claramente que o ônibus tem um certo pacto...
Bruna, acredita que eu nunca fui assaltada lá dentro? Aliás, trabalhava na praça mauá e nunca fui assaltada também e sempre terminava meu trabalho bem tarde. Acho que meu anjo da guarda realmente é muito forte. :)

Sales disse...

Kel,

Sinceramente, devo comentar, sinto-me como lendo Veríssimo ao ler seus textos. Vc é uma cronista de mão cheia. Fico me deliciando com suas linhas, viajo com cada pedacinho das histórias que vc conta. Ganhou um fã mais apaixonado da jornalista Rachel Lopes.

Beijos,

Ale

Quitutes.com - Versão Blog disse...

Ale, que bom ler isso! Me sinto imensamente feliz!

Beijos, Rachel

Nanda Nunes disse...

To rolando de rir aqui! 179 é grantia de diversão. Só falta a pipoquinha!
tipow ---> ""inreta" (wow...)!!!" haha...

Quitutes.com - Versão Blog disse...

Não dá pra traduzir o que ele disse! Mas eu gravei e pretendo colocar aqui em breve,rs!

Vivi disse...

Eu estava sem ter o q fazer nas férias....mas agora vou passear pela cidade de 179, nada mais divertido rs
Bjos!
Ps: adoreeeei a volta do 179!
Ps2: agora q tb tenho blog consigo comentar aqui...ô parto!

Quitutes.com - Versão Blog disse...

Vivi, sabe que eu lembrei de você quando escrevi esse post? Afinal você era a maior fãzoca do blog do 179! Sabia que você ia adorar a volta dele,rs... :)

Você se animou com o filme de culinária?rs... Fez um blog? Qual o endereço?

Eu estava pensando em fazer um programa de um livro de dieta e fazer todas as receitas e ver se eu conseguia emagrecer! rs... Meio que um "Julie e Julia" light! rss O que acha?


Beijos, Kel